É com muita alegria que apresentamos o novo design do nosso site, agora mais interativo, e inauguramos nosso blog, para nos aproximar dos nossos clientes e parceiros.  Através dele criaremos conteúdos e dicas pertinentes, trazendo reflexões sobre assuntos cotidianos. Os temas principais serão alimentação saudável, alimentos naturais e/ou integrais, novidades na indústria de alimentos, mas também abordaremos assuntos como: estilo de vida, atividade física, além de receitas, para tornar a experiência de alimentar-se mais consciente e prazerosa.

Para início de conversa, vamos saber um pouco mais sobre alimentação saudável? O que seria alimentação saudável para você?

Cremos que as respostas serão as mais diversas possíveis, e aí está a questão, talvez não exista conceito único de alimentação saudável. O que pode nos ajudar a construir uma noção desse conceito são alguns princípios recomendados pela OMS (Organização Mundial da Saúde), que elencam questões a serem refletidas.

O primeiro deles diz que a alimentação é mais do que a ingestão de nutrientes, destacando que tão importante quanto os nutrientes, são os alimentos fonte deles. Por vezes, temos o entendimento de que os nutrientes encontrados nos alimentos são o principal atributo deles e que talvez fosse mais potente isolá-lo para ter mais eficácia. Entretanto, estudos mostram que a relação entre saúde e alimentação é muito mais complexa e que a forma como escolhemos, preparamos e ingerimos os alimentos são tão importantes como a qualidade nutricional deles.

Além disso, traz a ideia de que o conhecimento sobre os alimentos amplia a autonomia nas escolhas alimentares. Adotar uma alimentação saudável não é meramente questão de escolha individual, muitos fatores podem influenciar positiva ou negativamente o padrão alimentar da população. Por exemplo, morar em territórios onde há feiras e mercados que comercializam frutas, verduras e legumes com boa qualidade torna mais acessível fazer escolhas mais saudáveis. Outros fatores podem dificultar tais escolhas, como o baixo custo dos alimentos ultra processados e a exposição intensa à publicidade de alimentos não saudáveis.

Entretanto, alimentar-se de forma saudável nem sempre requer um alto custo, o que devemos observar é o tipo de componente nutricional que estamos necessitando e ao conhecer a linha de produtos Germina, escolher aquele que melhor se adequa a sua necessidade, além de verificar se há sensibilidade alérgica ou algum tipo de intolerância. Essas informações estão descritas em nossos rótulos de maneira clara e de acordo com as legislações vigentes! Lembrando que prezamos pela máxima qualidade e preço justo.

Portanto, não há receitas para alimentar-se de forma saudável, esse hábito passa por uma escolha pessoal, mas também é determinada por aspectos culturais, sociais e familiares. A alimentação saudável pode ser entendida assim como a possibilidade de escolher qual alimento é mais adequado para minha vida, minha necessidade, tendo acesso a informação da melhor forma de preparo e consumo.

FONTE:

Brasil. Ministério da Saúde. Guia alimentar para a população brasileira / Departamento de Atenção Básica. – 2. ed., 1.– Brasília : Ministério da Saúde, 2014. 156 p

 

icone fbicone instaRua Senador Georgino Avelino, 478 – Monte Castelo

Parnamirim – RN, 59.146-150